, ,

Esta mulher de 33 anos estava grávida de seu sexto filho. Quando os médicos olharam o ultrassom, eles notaram algo que nunca tinham visto antes.


Esta mulher de 33 anos estava grávida de seu sexto filho. Quando os médicos olharam o ultrassom, eles notaram algo que nunca tinham visto antes.

Uma mulher francesa de 33 anos estava esperando seu sexto filho quando foi ao médico para fazer um ultrassom de rotina.

Mas a visita acabou sendo tudo, menos rotineira, quando o médico notou algo muito incomum: o útero da mulher estava rompido e os pés do bebê estavam fora dele!

Os médicos nunca tinham visto nada assim antes, e não era para menos: até então, só haviam sido registrados 26 casos de úteros rompidos.

Neste caso, a mulher tinha passado por cinco cesarianas para dar à luz os outros filhos, e essas operações tinham claramente enfraquecido seu útero.

A sexta gravidez tinha sido demais para o útero que, devido à sua condição enfraquecida, simplesmente não conseguia segurar o feto.

Apesar dos alertas dos médicos sobre complicações, como hemorragias graves ou parto prematuro, a mulher decidiu continuar a gravidez.

Ela sabia que estava assumindo um risco enorme mas, na 30ª semana de gravidez, ela deu à luz um menino perfeitamente saudável, ainda que prematuro. O sexto parto também foi feito por cesariana, e os médicos conseguiram tratar o útero da mulher após o nascimento.

Esse artigo continua após esse anúncio ⤵


Anunciante

Seis meses depois, a mãe e sua criança estão bem. O menininho está crescendo rapidamente e, em alguns anos, ele poderá apreciar uma foto de bebê muito especial no álbum de família: um ultrassom de seu pé saindo para fora do útero!

Fonte: Little Things


Qual sua opinião?
Comente no final ⤵


Anunciante



Comente aqui ⤵