Filho que leva palmada pode ter até 13 problemas mentais e sociais, incluindo agressividade

Segundo um estudo realizado pelas universidades do Texas e de Michigan, nos EUA, e publicada no “Journal of Family Psychology”, crianças que recebem castigos físicos dos pais tem maior propensão de apresentar, na vida adulta, comportamento antissocial e agressivo.

Foram avaliados dados de mais de 160 mil crianças por 50 anos, acompanhando todo seu crescimento, estilo de vida e convívio familiar e concluiu-se que “palmadas educativas” e outros tipos de agressões foram responsáveis por problemas como baixa autoestima, relacionamento ruim com os pais, baixa habilidade cognitiva, entre outros.

A psicóloga Elizabeth Gershoff em entrevista ao site de ciência e saúde “Vox”,  afirmou que durante 20 anos estudou a relação de bom comportamento com palmadas educativas e acredita que isso não tenha qualquer relação.

Os estudiosos também concluíram que os excessos de castigos físicos estão associados a pelo menos 13 tipos de problemas mentais e transtornos nos indivíduos.

Written by Silvia Cardoso

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

GIPHY App Key not set. Please check settings