Estas duas mulheres queriam muito adotar um bebê com Síndrome de Down. O motivo faz qualquer um se emocionar

No Canadá, a paramédica Holy Graham e a bombeira Alex Dudley se casaram e queriam adotar uma criança  com Síndrome de Down.

Holly explicou em seu blog que em sua juventude, ela e uma menina com Síndrome de Down eram melhores amigas. Essa amizade a marcou e teve influência sobre sua decisão de ter filhos.

Em 2013, Holly e Alex começaram o processo de adoção.

Elas começaram se candidatando para adoção nos Serviços para Crianças e Famílias (SCF) em Alberta, no Canadá, mas como apenas duas crianças com Síndrome de Down tinham sido adotadas nos últimos sete anos, elas resolveram tentar por uma agência privada.

Alex e Holly encontraram uma organização excelente e estavam muito otimistas em se tornarem mães logo.

Alguns meses se passaram enquanto a agência privada de adoção esperava uma resposta da SCF, deixando-as cada vez mais frustradas.

Elas estavam de férias quando finalmente receberam a ligação. Holly se lembra da ligação acontecer mais ou menos assim:

“6 semanas, Síndrome de Down, DAVS (defeito atrioventricular septal, problema cardíaco), cirurgia cardíaca, hospital, problemas de alimentação, mãe biológica, plano de adoção, VOCÊ TEM INTERESSE?”

Enfim, a hora finalmente tinha chegado. Elas viajaram de volta para o Canadá e foram de encontro ao bebê.

Em alguns momentos, elas admitiram terem tido dúvidas sobre estarem ou não prontas para a adoção. Mas essas preocupações desapareceram assim que viram o futuro filho pela primeira vez no hospital infantil em Alberta.

“Foi a experiência mais emocionante da minha vida. Nós nos dirigimos até o quarto dele, o que pareceu uma eternidade, e é isto o que encontramos…

“Bem-vindo à nossa família, Jaxson! Nós nos apaixonamos por você antes mesmo de te ver.”

O amor delas com certeza ajudará o menino a ter uma vida boa e feliz.

Crianças com Síndrome de Down normalmente normalmente nascem com doenças cardíacas, como no caso de Jaxson.

Mas isso não permitiu que elas desanimasse.

Veja no vídeo abaixo (em inglês):

 

Jaxson está bem e crescendo rapidamente.

Ele está frequentando o jardim de infância, aprendendo gestos corporais e palavras como “mamãe”. Jaxson consegue até formar frases completas.

Suas mães estão extremamente orgulhosas do filho e felizes.

 

Esta mãe solteira faltou à aula e foi se desculpar. A resposta que recebeu a deixou na boca do povo

Após muita tentativa, ex-BBB Adriana desmama filho ao ouvir 1 frase de sua mãe