Brasileira morta pelo pai dos próprios filhos pediu para não morrer: “Me deixa, por favor’

Uma jovem mãe brasileira, Eduarda Santos de Almeida, de 27 anos, foi morta pelo homem que era o pai dos seus filhos. Ela estava na Argentina, em em Bariloche, e teria pedido ao marido para ir embora, para que deixasse a casa, mas ele, Fernando Alves Ferreira, que confessou o crime, segundo informações das testemunhas, a vítima teria feito um pedido; “Anda! Me deixa, por favor!’. 

De acordo com o jornal El Cordillerano, a vítima não se relacionava com muitas pessoas na cidade, pois estava no país há pouco tempo, por isso não tinha ainda muitos amigos, mesmo assim, uma pessoa teria ouvido Eduarda gritar no lado de fora da casa em que morava com o homem, na noite em que foi morta.

O marido é natural de São Paulo, ele confessou ser o responsável pelo homicídio da esposa. 

Segundo notícia no jornal O Globo, Eduarda era mãe de um bebê recém-nascido e um casal de gêmeos, todos filhos do marido. 

Na Argentina, autoridades estão aguardando o resultado da perícia realizada no carro e na casa do casal. Enquanto isso, o marido declarou não estar se importando em ser condenado à prisão, mesmo que seja perpétua dizendo; “minha cunhada já está na cidade e responsável pelos meus filhos” 

Advogados de defesa do acusado tentaram várias vezes interromper a audiência de custódia para que o marido parasse de confessar o crime.

Written by Silvia Cardoso

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

GIPHY App Key not set. Please check settings