Foto: Reprodução

Bebê de 1 ano quase perde olho, mas vence câncer raro com quimioterapia

Compartilhe em seus Grupos do Whatsapp

Todo cuidado é pouco, por isso os pais precisam estar sempre atentos à possíveis sinais do corpo, alterações que podem não parecer graves, mas que no fundo podem estar escondendo algo muito sério.

O pequeno Henzo recebeu o diagnóstico quando ia completar 1 ano de idade.

O menino Henzo Gabriel teve retinoblastoma, um tipo de câncer raro que ele teve no olho. Ele corria risco de perder o olho, mas com  a ajuda de bons profissionais e muita fé por parte da família, o procedimento de quimioterapia salvou o olho do menino que ainda é um bebê.

A cirurgia já estava marcada para a retirada do olho esquerdo de Henzo, mas para alegria dos pais, o menino respondeu bem ao tratamento de quimioterapia e o câncer recuou.

continua após esse anúncio ⤵

O Ministério da Saúde tem uma estimativa de que a cada 14 mil crianças, uma pode ter esse tipo de câncer. Por isso é recomendado que o pais sempre levem a criança ao pediatra para avaliação, exames e tudo o mais conforme o médico informar.

Quando a doença é descoberta no início, sempre fica mais fácil e rápido o tratamento com chances de cura que chegam a 100%.

É muito importante nesses momentos tão difíceis, que a família não perca a fé e que lute junto com as crianças para obter os melhores resultados possíveis.

A mãe de Henzo, Jessica Karla da Silva, 25 anos, percebeu que a cor do olho do bebê estava diferente, e quando tinha algum reflexo de luz, ficava ainda mais evidente. Ela levou o filho ao médico obedecendo à orientação das tias que acharam incomum e que poderia se tratar de algo sério.

Agora o bebê terá de fazer avaliação por um determinado tempo, esse procedimento é necessário para monitorar qualquer alteração.

 

Qual sua opinião? Comente no final ⤵




Compartilhe em seus Grupos do Whatsapp

Comente aqui ⤵


Mãe tenta envenenar bebê para arrecadar dinheiro no Facebook e castigo aparece

Kate Middleton exibe barriga de grávida pela 1ª vez em evento real: ‘Encantada’