BALEIAS AZUIS SÃO VISTAS NA ANTÁRTIDA PELA PRIMEIRA VEZ DESDE OS ANOS 1980

As baleias azuis haviam sido declaradas em extinção, mas recentemente foram avistadas por pesquisadores do British Antarctic Survey (BAS), na região da costa da Antártida em grande número.

Devido a caça de baleias na região, tendo como alvo baleias azuis e baleias francas do sul, a população dessas espécies foram drasticamente sendo reduzidas.

Para garantir que as baleias azuis não fossem totalmente extintas, foi necessário que ativistas lutassem por décadas, para impedir a caça, o que parece ter dado certo, com a volta das baleias.

No ano de 2018, pesquisadores registraram pouco mais de 55 baleias na região da Antártida, assim como as baleias do sul e muitas jubartes, estimando que eram mais de 20 mil.

“Para uma espécie tão rara, como a baleia azul, esse é um número sem precedentes de avistamentos e sugere que as águas da Antártida permanecem um importante local de alimentação para essas espécies raras e pouco conhecidas”, informou o British Antarctic Survey (BAS).

A bióloga Jennifer Jackson explica que após as baleias azuis terem sido ameaçadas de extinção, o cenário mudou, diferente da época em que as baleias eram muito caçadas, hoje graças a determinação de ativistas e pesquisadores, a caça na região deixou de ser um negócio tão lucrativo e agora, 3 anos depois, a população de baleias voltou a crescer. “Após três anos de pesquisas, estamos emocionados ao ver tantas baleias visitando a Geórgia do Sul para se alimentar novamente.”

Créditos: https://www.hypeness.com.br/2020/03/dezenas-de-baleias-azuis-sao-vistas-na-antartida-pela-primeira-vez-desde-os-anos-1980/

Written by Silvia Cardoso

Professora Silvia, dou aulas no periodo vespertino e escrevo noticias nos sites da rede Maetips. Mãe de dois meninos, Lucas e Renato de 6 e 12 anos. Sejam muito bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

GIPHY App Key not set. Please check settings